Direto da Sacristia
×
×

Bento XVI responderá a perguntas nesta sexta-feira

Postado em 22 Abril 2011por E. Marçal

Com informações da Rádio Vaticano


Programa foi feito pelo canal italiano RAI


Às 14h10 desta Sexta-feira Santa, vai ao ar no programa “À sua imagem” do canal estatal italiano RAI, as imagens gravadas na biblioteca do Palácio Apostólico no último dia 15, onde o Papa Bento XVI respondeu a sete questões das mais de 2000 enviadas de todo o mundo à redação.


Rosario Carello
apresentador do programa “À sua imagem”

Serão intrigantes questionamentos respondidos por um grande teólogo. No dia em que é feito o memorial do sofrimento do Filho de Deus em favor da salvação do gênero humano, as palavras de Bento XVI versarão sobre o sentido da dor. Depois do terremoto e maremoto que abalaram o Japão, Helena, uma japonesa de 7 anos, pergunta ao Papa, que, segundo ela, “fala com Deus, porque é que as crianças têm de sentir tristeza. O Vaticano, antecipando as declarações do Pontífice, revelou que ele disse que não tem respostas a questões como esta que ele mesmo se coloca, mas acredita que o sofrimento deve estar ao lado da certeza da presença divina, que um dia perceberá que o “sofrimento não era vazio, não era em vão, mas há um projeto de amor”. E ainda sublinhou sua ajuda pela oração e também com atos.

À uma mãe italiana que questiona o estado da alma de seu filho, que a seus cuidados está há dois anos em um irrevessível estado vegetativo, o Santo Padre esclarece que certamente a alma está ainda no corpo e que a sua presença ao lado de seu filho “é um verdadeiro ato de amor” que “entra na profundidade da alma escondida” e, por isso, “o seu ato é um testemunho de fé em Deus, da fé no homem”.




Da Costa do Marfim, uma mulher africana e muçulmana questiona o Papa sobre a paz ensinada por Jesus. É importante sublinhar que esta pergunta ganha maior notariedade porque o país marfinense acaba de passar por uma violenta crise após as eleições presidenciais.

Ao fim, sete estudantes residentes no Iraque indagam sobre o sentido da ameaça permanente que sofrem pelo simples fato de serem cristãos.

Bento XVI em 2005 falou para a televisão polaca e em 2006, para a televisão alemã. No ano passado, das perguntas feitas a ele pelo jornalista Peter Seewald, foi editado o livro-entrevista “Luz do mundo”.

Sugestões de artigos