'

Categorias | Sem categoria

Centenário da Arquidiocese de Olinda e Recife

Postado em 27 novembro 2010 by E. Marçal

Santa Missa em memória do áureo jubileu
ocorrerá no próximo dia 05 dezembro

Hoje, o Arcebispo de Olinda e Recife, S.E.R. Dom Antônio Fernando Saburido, presidirá em sua Santa Igreja Catedral a Santa Missa de início das solenidades em comemoração ao centenário da referida Arquidiocese. Na próxima segunda-feira, dia 27, será inaugurada no Shopping Paço Alfândega, antigo convento dos Padres Oratonianos, no Recife Antigo, a exposição sacra com peças, indumentárias e documentos que retratam a história desta Arquidiocese, como também de outras dioceses, e que permanecerão expostos até o dia 15 dezembro. Durante a inauguração, o Coral da Basílica do Carmo executará alguns cantos.

Na manhã do dia 01 dezembro, na sede da Cúria Metropolitana, no Palácio dos Manguinhos, haverá o lançamento do Selo Comemorativo e da revista “100 anos de missão a serviço da vida”. No mesmo dia, às 16h, na Câmama Municipal do Recife, o Sr. Arcebispo receberá o honorífico Título de Cidadão Recifense.

À hora do Angelus do dia 05 dezembro, os sinos de todas as igrejas da Província eclesiástica de Pernambuco repicarão festivamente. Às 17h, no Marco Zero do Recife Antigo, S.E.R. Dom Lorenzo Baldisseri, Núncio Apostólico no Brasil, presidirá Missa, concelebrada pelo Arcebispos e outros prelados brasileiros.

A Prelazia de Pernambuco foi ereta em 15 julho 1614, pela bula “Fasti novi orbis” do Papa Paulo V. Dez anos após, o Papa Urbano VIII a subordinou à então Diocese de São Salvador da Bahia. O Papa Inocêncio XI, em 16 novembro 1676, elevou-a a diocese pela bula “Ad sacram Beati Petri sedem“. Por decreto da Sagrada Congregação Consistorial – hoje Congregação para os Bispos – Olinda foi elevada à arquidiocese em 05 dezembro 1910. Oito anos depois, o Papa Bento XV, na bula “Cum urbis Recife“, inseriu o nome da capital pernambucana ao da Arquidiocese, que passou a denominar-se “Olinda e Recife. Portanto, o então Arcebispo Dom Sebastião Leme Cintra conferiu o título de concatedral à igreja recifense de São Pedro dos Clérigos.

Categorias | Sem categoria

Exercícios espirituais no Seminário de Olinda

Postado em 24 novembro 2010 by E. Marçal

Festa da Solenidade da Imaculada Conceição da Mãe de Deus
Realizar-se-ão de 28 novembro a 08 dezembro, no Seminário de Olinda, exercícios espirituais em preparação à Solenidade da Imaculada Conceição da Virgem Maria. Nos oito primeiros dias, serão meditados temas mariológicos retirados do hino “Akáthistos”, que será cantado durante o novenário. Na tarde do dia 07, terá lugar a celebração das Primeiras Vésperas Solenes Pontificais presidida por S.E.R. Dom Jorge Tobias de Freitas, Bispo emérito de Nazaré. Na manhã do dia da Solenidade, o Arcebispo de Olinda e Recife, S.E.R. Dom Antônio Fernando Saburido, presidirá a celebração das Laudes Solenes.

Categorias | Sem categoria

Novos bispos auxiliares para o Rio de Janeiro

Postado em 24 novembro 2010 by E. Marçal

Nomeação de auxiliares da Arquidiocese de São Sebastião do Rio de Janeiro Brasil
O Santo Padre Bento XVI nomeou Auxiliares da Arquidiocese de São Sebatião do Rio de Janeiro (Brasil):

O Rev.do Pe. Pedro Cunha Cruz nasceu na sede da mesma Arquidiocese em 16 junho 1964. Completou os estudos de Filosofia (1987 – 1990), e os Teologia na Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro. Depois, em Roma, obteve a Licenciatura em Teologia Moral na Pontificia Università Gregoriana, e a Licenciatura laureada em Filosofia na Pontifica Università Santa Croce (1993 – 1996). Recebeu a ordenação presbiteral em 04 agosto 1990 e foi incardinado na Arquidiocese de São Sebastião do Rio de Janeiro. Até a data de sua nomeação episcopal, foi Pároco da Paróquia Santa Rita. O Papa concedeu-lhe a sede titular episcopal de Agbia.

O Rev.do Pe. Nelson Francelino Ferreira nasceu na cidade de Sapé, Arquidiocese da Paraíba, em 26 fevereiro 1965. Depois de completar os estudos clássicos no Seminário Arquidiocesano do Rio de Janeiro (1983 – 1985), estudou Filosofia na Faculdade Eclesiástica de Filosofia “João Paulo II” no Rio de Janeiro (1983 – 1985) e os de Teologia no Instituto Superior de Teologia (1986 – 1994). Conseguiu a Licenciatura laureada em Teologia Pastoral na Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (1994-2000). Recebeu a ordenação presbiteral em 04 agosto 2000 e foi incardinado na Arquidiocese do Rio de Janeiro. Até a data de sua nomeação episcopal, foi Pároco da Paróquia “Nossa Senhora da Glória”. O Papa concedeu-lhe a sede titular episcopal de Alava.

O Rev.do Pe. Paulo César Costa nasceu em Valença, estado do Rio de Janeiro, em 20 julho 1967, na diocese de mesmo nome. Completou os estudos superiores e de Filosofia no Seminário Diocesano “Nossa Senhora do Amor Divino”, em Petrópolis, e os de Teologia no Seminário Arquidiocesano “São José” no Rio de Janeiro. Depois, obteve a Licenciatura laureada em Teologia Dogmática na Pontificia Università Gregoriana em Roma (1996 – 2001). Recebeu a ordenação presbiteral em 05 dezembro 1992 e foi incardinado na diocese de Valença. Até a data de sua nomeação episcopal, foi Reitor do Seminário “Paulo VI” em Nova Iguaçu. O Papa concedeu-lhe a sede titular episcopal de Esco.

O Arcebispo de São Sebastião do Rio de Janeiro


O anúncio das nomeações foi efetuado pelo Arcebispo do Rio de Janeiro, S.E.R. Dom Orani João Tempesta, hoje pela manhã na Rádio Catedral.

Entre a nomeação e a sagração episcopal, os bispos são intitulados monsenhores, sem ter o direito, contudo, de usar as vestes e insígnias que são próprias do episcopado (Cerimonial dos Bispos, n. 1132).

Quanto à data das sagrações episcopais, elas acontecerão no dia 03 fevereiro 2011, provavelmente presididas pelo Ordinário do Rio de Janeiro, como é indicado no Cerimonial dos Bispos, n. 1137.

Com as nomeações de hoje, o Arcebispado do Rio de Janeiro conta com 3 Auxiliares ordenados e 3 nomeados.